Busca | Cadastre-se | Como Anunciar 
   
 CLASSIFICADOS
  
 Neg. & Oport.
   Empresas
   Equipamentos
   Serviços
   Outros
  
 Vagas
   Banho&Tosa
   Veterinária
   Comerc/Vendas
   Adm
   Canil/Pass/Hot
   Motorista
   Outros
  
 Candidatos
   Banho&Tosa
   Veterinária
   Comerc/Vendas
   Adm
   Canil/Pass/Hot
   Motorista
   Outros
  
 Cursos
  
 Vendo
  
 Doa-se
  
  
 GUIA EMPRESAS
 Adestradores
 Aquários
 Associações
 Atacadistas
 Aviculturas
 Banho e Tosa
 Canis
 Clínicas
 Consultorias
 Criadores
   Aves
   Roedores
   Reptil/Anfíbio
   Primatas
 Distribuidores
 DogSitter
 Entidades
 Fabricantes
 Gatis
 Hotéis
 Informática
 Laboratórios
 Padarias
 Passeadores
 PetShops
 Rações
 Representantes
 Serviços
 TaxiDog
  
 Lançamentos
 Reportagens
 Consultoria
 Dicas
 Veterinários
 Eventos
 Legislação
  
 Agility
 Raças
 Meu amigo Pet
 Pássaros
  
 PROMOÇÕES
 Busca
 Cadastre-se
 Como Anunciar
 Contato
  

   

Rodada Internacional de Negócios abre caminho para exportação

Foi um sucesso a Rodada Internacional de Negócios – Projeto Comprador, promovida pela

Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) em parceria com o Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal (Sindan) e o Sindirações, na sede da Fiesp, em meados de junho.

Mais de 50 empresários brasileiros movimentaram o 11º andar da Fiesp, durante a Rodada Internacional com o objetivo de trocar experiências e negociar com 16 empresários estrangeiros de diferentes países da América do Norte, Central e Sul (México, Panamá, República Dominicana, Peru, Uruguai, Venezuela, Chile, Colômbia), e Europa (Espanha, França e Rússia) .

“Com essa iniciativa, buscamos facilitar o intercâmbio comercial e abrir novas perspectivas de negócios e acordos de cooperação empresarial entre industriais brasileiros e estrangeiros. O Brasil tem muitos produtos que interessam ao mercado externo, pela qualidade e preço competitivo. O que fizemos foi facilitar o encontro entre os empresários”, afirmou Milson da Silva Pereira, diretor executivo do Sindan.

Segundo o gerente do Centro Internacional de Negócios de São Paulo (CIN) da Fiesp, Romão Luiz Parolin, nos dois dias da rodada foram realizadas 313 reuniões que devem gerar R$ 1 milhão em negócios. “Em um evento como esse não se fecha negócio uma única vez. Por isso, nossa expectativa é que nos próximos 12 meses a Rodada Internacional some entre R$ 10 milhões e R$ 12 milhões em exportação”, acredita Romão.

A Rodada realmente facilitou o intercâmbio comercial entre empresas brasileiras de saúde animal e do exterior. “Em um único dia conseguimos falar com um empresário estrangeiro que tentávamos contato, sem sucesso, há mais de três meses. E, se não fosse pela Rodada, certamente iríamos tentar muitas vezes mais até conseguir fechar um negócio”, comentou Breno Palhares, da Jofadel

Para Fernando Falcão, diretor do Labovet, o evento trouxe para a realidade o sonho antigo de exportar. “O encontro fez a exportação sair do plano da imaginação para o viável. Nós sabemos que a exportação existe, mas muitas vezes não sabemos o caminho, o que fazer para ganhar o mundo. A Rodada facilitou, e muito, essa compreensão”.

Os empresários estrangeiros também ficaram surpresos com o evento. “A Rodada foi muito bem organizada. Descobri uma série de produtos que até então não conhecia e que me interessaram. Possivelmente vamos fechar negócio”, afirma Guy Charrier, da Terrena, empresa da França.

Gustavo Morales, representante do Laboratório Investigacion Aplicada, do México já conhece os produtos fabricados pela indústria veterinária brasileira e fez contato com as empresas para a compra de vacinas aviárias e endectocidas. “Já negociamos com Estados Unidos, Irlanda e Nova Zelândia, porém, sabemos da qualidade do produto brasileiro e por isso também procuramos parceiros no Brasil para complementar nossa linha de produtos”, afirma Morales.

“Acredito que a Rodada Internacional de Negócios atingiu seu objetivo de promover a base exportadora do Brasil, ampliar as oportunidades para os que já exportam e mostrar às empresas, pequenas, médias ou grandes, qual é o melhor caminho para que seu produto emplaque no mercado internacional”, finalizou o diretor executivo do Sindan.

Atendimento à Imprensa
Texto Assessoria de Comunicações – Telefone: (11) 3675-1818
Jornalista Responsável: Altair Albuquerque (Mtb 17.291)
Coordenação: Nádia Andrade (nadia@textoassessoria.com.br)
Atendimento: Vinícius Volpi (vinicius@textoassessoria.com.br)

voltar...