Busca | Cadastre-se | Como Anunciar 
   
 CLASSIFICADOS
  
 Neg. & Oport.
   Empresas
   Equipamentos
   Serviços
   Outros
  
 Vagas
   Banho&Tosa
   Veterinária
   Comerc/Vendas
   Adm
   Canil/Pass/Hot
   Motorista
   Outros
  
 Candidatos
   Banho&Tosa
   Veterinária
   Comerc/Vendas
   Adm
   Canil/Pass/Hot
   Motorista
   Outros
  
 Cursos
  
 Vendo
  
 Doa-se
  
  
 GUIA EMPRESAS
 Adestradores
 Aquários
 Associações
 Atacadistas
 Aviculturas
 Banho e Tosa
 Canis
 Clínicas
 Consultorias
 Criadores
   Aves
   Roedores
   Reptil/Anfíbio
   Primatas
 Distribuidores
 DogSitter
 Entidades
 Fabricantes
 Gatis
 Hotéis
 Informática
 Laboratórios
 Padarias
 Passeadores
 PetShops
 Rações
 Representantes
 Serviços
 TaxiDog
  
 Lançamentos
 Reportagens
 Consultoria
 Dicas
 Veterinários
 Eventos
 Legislação
  
 Agility
 Raças
 Meu amigo Pet
 Pássaros
  
 PROMOÇÕES
 Busca
 Cadastre-se
 Como Anunciar
 Contato
  

   

PELADO MEXICANO OU XOLOITZ CUINTLI (NOME EM ASTÉCA)

"O CÃO MAIS RARO E EXÓTICO DO MUNDO"

É predominante, do deserto do México, onde eram considerados cães selvagens que, como lobos, andavam em matilhas organizadas para a caça e sua própria proteção. São carnívoros e se alimentam, desde pequenos roedores, a animais de médio porte.

Se tornaram meio que extintos no México, devido a exterminação em exagero, por parte de caçadores e fazendeiros, matando-os com armadilhas e meios cruéis. De 2001 para cá, várias entidades Canadenses e americanas, ligadas a preservação das raças, e preocupadas com a extinção total da mesma, levaram-no a convivência com as pessoas, nas cidades. Curiosamente, notaram a enorme sociabilidade desta raça com o ser humano. Até mesmo cães adultos capturados para estudo e tratamento, quando alimentados e tratados com respeito e carinho, mostraram enorme passividade e lealdade pelos tratadores. E assim, esta raça que até então era totalmente desconhecida, evitada e abolida das redondezas das cidades, hoje habita cidades dos Estados Unidos, Canadá, Costa Rica e Porto Rico, com muito mais exemplares e naturalidade, que no próprio país de Origem, o México.

PERSONALIDADE

São tímidos e desconfiados com desconhecidos, passivos e carinhosos com as pessoas que convivem. Inteligentes, espertos e brincalhões, não trocam nada por uma corrida, uma brincadeira ou testes que provam a sua enorme agilidade. Podem ser usados perfeitamente tanto para o Agilit, como para a caça ou compania. Estão sempre de auto astral e atentos aos donos. Depois de algum tempo de convivência, podem sair sem coleira, pois não se afastam do dono com medo de serem abandonados. Muito fiéis e leais, jamais se voltam contra o dono para morder ou se vingar de algo. São ideais para crianças ativas, mulheres e apartamentos pois são muito limpos e gostam de rotina. Estranham barulhos, atos e situações não corriqueiras em seu dia a dia. Também servem para guarda.

PADRÃO DA RAÇA

Seu tamanho varia de 28 à 30 cm de altura e 12 à 15 kl. nas femeas. E 28 à 32 cm de altura, com 13 à 17 kl. nos machos.

Sua cabeça é triangular e pequena, orelhas sempre eretas, grandes e pontiagudas, stop médio e focinho que costuma ter o mesmo tamanho de sua caixa craniana. Olhos lévemente puxados de cor preta ou amendoada. Peito largo e musculoso, pernas posteriores e inferiores retas, jarréte quase inexistente, dorso reto da cernelha a cauda. Pescoço comprido e sempre altivo.

Seu corpo, é quase totalmente pelado, com apenas pequenos topétes de pelo, que podem ser loiros ou tigrados, vão aparecendo com a idade e não podem ultrapassam mais que 2 cm. Tais topétes, só aparecem na cabeça, patas e rabo. Alguns exemplares, podem apresentar, pequena penugem rala na parte superior do pescoço.

Alguns exemplares, podem também nascer com o rabo cotó, o que ainda da mais charme e beleza a raça.

CURIOSIDADES

Curiosidades sui generis envolvem esta raça, de principio a sua cor, cinza chumbo, podendo ter pequenas anuancias de cor branca pelo corpo, que não podem ultrapassar 25% de sua coloração. Sua cor e pele, são comparadas e bem próximas a do elefante ou do hipopótamo.

Sua temperatura interior é normal, como a de qualquer cão, mas sua temperatura externa pode alcançar altos e baixos que variam de 39 a 44 graus. Estas anuancias extremas, se explicam, por se tratarem de cães do deserto, que aguentam temperaturas altissímas durante o dia e baixissimas durante a noite. Por este motivo, tem a tendencia ao ressecamento de pele, que pode ser evitado facilmente, com água sobre a pele diáriamente (sómente água) nos dias de muito calor, ou um creme hidratante a cada 5 dias. O que os deixará, com "pele de bebe",

MEDICINAIS

Muitos acreditam, com casos comprovados, que esta raça pode ser muito bem utilizada para a convivência com pessoas alérgicas a cheiro ou pelo, pois os poucos pelos que chegam a crescer em seu corpo nunca se soltam pela casa pois, se tratados em lugar limpo, não exalam cheiro algum.

São usados no tratamento de doenças ligadas a úmidade, como reumatismo etc.

Por ter alta temperatura e serem muito apegados aos donos, em contato natural com nossa pele não só, podem ser usados como uma bolsa térmica, como também tendem a sugar ou fazer evaporar de nosso corpo a úmidade.

Existem casos também comprovados nos Estados Unidos e outros países, de emagrecimento assustador, de pessoas que sofriam de obesidade por retenção de líquidos e passaram a perder bastante do seu peso após o contato constante com exemplares desta raça.

Enfim, este é um cão especial. As pessoas que adoram animais e não gostam de pelos ou cheiro pela casa, nem de gastar dinheiro com banhos e roupinhas em pet shop`s, ou que não tenham tempo para banhos demorados, só podem ter, uma opção, O CÃO PELADO MEXICANO, O cão mais raro e exótico do mundo!

Esta página é de responsabilidade de Henrique Silva Bragança.
Proprietário do Canil Rarus Dog`s.
Santos-São Paulo.
Tel. (13)3232-5141 / 3027-3488 e 9726-2006.
E-mail: Rickinho2@ig.com.br.