Busca | Cadastre-se | Como Anunciar 
   
 CLASSIFICADOS
  
 Neg. & Oport.
   Empresas
   Equipamentos
   Serviços
   Outros
  
 Vagas
   Banho&Tosa
   Veterinária
   Comerc/Vendas
   Adm
   Canil/Pass/Hot
   Motorista
   Outros
  
 Candidatos
   Banho&Tosa
   Veterinária
   Comerc/Vendas
   Adm
   Canil/Pass/Hot
   Motorista
   Outros
  
 Cursos
  
 Vendo
  
 Doa-se
  
  
 GUIA EMPRESAS
 Adestradores
 Aquários
 Associações
 Atacadistas
 Aviculturas
 Banho e Tosa
 Canis
 Clínicas
 Consultorias
 Criadores
   Aves
   Roedores
   Reptil/Anfíbio
   Primatas
 Distribuidores
 DogSitter
 Entidades
 Fabricantes
 Gatis
 Hotéis
 Informática
 Laboratórios
 Padarias
 Passeadores
 PetShops
 Rações
 Representantes
 Serviços
 TaxiDog
  
 Lançamentos
 Reportagens
 Consultoria
 Dicas
 Veterinários
 Eventos
 Legislação
  
 Fórum
 Agility
 Raças
 Meu amigo Pet
 Pássaros
  
 PROMOÇÕES
 Busca
 Cadastre-se
 Como Anunciar
 Contato
  

   

Cocker Spaniel Inglês

EXPLANAÇÕES SOBRE A RAÇA


Olhando hoje o Cocker Spaniel, atraente com as orelhas longas quase varrendo o solo e pêlo sedoso, pode ser difícil vê-lo como um cachorro disposto ao trabalho. Porém, o Cocker ainda tem esta habilidade e desfruta muito a satisfação de um dia no campo.

No século XIX, o prefixo "Cocker" foi dado para denotar a popularidade deste pequeno cão de caça por levantar e recuperar galinholas (que em inglês tem o nome de woodcock). O "Cocking Spaniel" ficou popular em Gales e no Sul da Inglaterra naquele momento devido ao tamanho compacto que fez dele mais ágil para trabalhar em mato baixo.



POPULARIDADE

O Kennel Clube da Inglaterra reconheceu a raça em 1892. Foi realmente o começo do Cocker Spaniel Inglês.

O Cocker tem muitos atributos que contribuem para essa popularidade:

  • primeiramente, a personalidade feliz que fazem dele um alegre cão de caça.
  • o tamanho compacto e a aparência agradável, juntos com a ansiedade para agradar e a facilidade de ser treinado, fazem dele um ótimo trabalhador e um maravilhoso companheiro doméstico. A cauda sempre sacudindo entusiasmado tem o efeito feliz de levantar o espírito daqueles que caminham ou trabalham com ele, a oferta de disposição e gentileza o faz um companheiro extremamente afetuoso.

    O pêlo liso e sedoso é um prazer para acariciar, sendo que muitos donos de cães atualmente selecionam um cachorro ou raça fundadas, em parte, no tipo de pêlo. Atributo que sempre deveria ser levado em conta quando se escolhe um cachorro, já que isso inclui o trabalho de cuidar e aparar.

    Donos de cães podem se tornar acariciadores compulsivos, para o benefício mútuo de homem e cachorro. Em anos passados, mostrou-se pesquisa científica que este comportamento instintivo de acariciar tem benefícios de saúde positivos, causando a baixa na taxa de doenças cardíacas, relaxamento e redução em tensão: uma tônica sem o risco de efeitos colaterais desagradáveis associado com algumas drogas! Os cães também desfrutam isto!

    A ORIGEM DOS SPANIELS

    Conforme trabalho do cinologista alemão Richard Strebel sobre as origens dos cães alemães, a pergunta sobre as origens dos spaniels é muito difícil porém pode-se afirmar que é um dos tipos mais velhos de cães.

    Representações de spaniels ou de cães bem parecidos a eles são achadas em pinturas muito antigas e, o quadro mais recente de um spaniel que Richard Strebel está estudando é a representação de Philip II da Macedônia, pai de Alexandre, o Grande.

    Isso nos leva de volta a séculos atrás, de modo que não se pode ser facilmente localizado ou ficar sem "buracos" na história, conforme retrata o Dr. Beyersdorf em seu livro "Spaniel" (Kynos Verlag, Murlenbach/Eifel).

    O que é certo é que o spaniel, até mesmo se não fosse reconhecido como raça, era difundido nos países do norte da Europa.

    Nós sabemos é que o Duque de Northumberland, John Dudley, foi um dos primeiros a treinar spaniels para a caça e que no castelo do Rei Henrique VIII havia um empregado que era o guardião dos spaniels, "Robin the King's Spaniel Keeper".

    Em 1570 John Caius descreveu 22 raças existentes em seu livro "Of English Dogs", inclusive o Land Spaniel (Spaniel de Terra) e o Water Spaniel (Spaniel de Água). Caius escreve que estes cães foram sendo classificados conforme a função para a qual foram criados, assim: seu uso:, assim falcon dog (falcoaria), pheasant dog (caça do faisão), partridge dog (caça da perdiz) e assim por diante.

    Muitas pessoas chamaram este tipo de caça de "spaniel" acreditando que se originaram na Espanha, porém a atribuição mais plausível é a de que "spaniel" derive da palavra céltica "spain" que significa "coelho" fortalecendo ainda mais a primeira e original função para a qual os spaniels foram desenvolvidos. Mas, por mais que se estude, a origem da palavra ainda é disputada.

    Do século XVII em diante foi aceita amplamente a palavra spaniel, especialmente na Inglaterra, tanto que no fim do século XIX o spaniel foi especificamente considerado uma raça inglesa.

    Dr. Peter Beyersdorf, Presidente do Jagdspaniel-Klub e um amante apaixonado das raças spaniel, escreve em seu livro "SPANIEL":

    " Pode ser útil para algumas pessoas aprenderem mais sobre a origem e as definições das qualidades do spaniel e talvez um maior conhecimento a este respeito conduziria a uma compreensão melhor e uma maior avaliação da raça inteira. Isso é algo que o spaniel mereceria. É uma raça que combina tantas qualidades: generosidade, entusiasmo, inteligência, lealdade, amizade mas também quando necessário, dureza e tenacidade. Uma vez cativado por um spaniel você nunca será "curado" deles.

    A MAGIA DAS CORES

    Os Cockers tem uma variedade maravilhosa de cores. De fato, nenhuma outra raça oferece variedade tão grande.

    Cores sólidas são:

  • Preto,
  • Dourado,
  • Fígado,
  • Preto e Canela e,
  • Fígado e Canela.
    O Canela é considerado marcação e não segunda cor.

    Partcolor são aqueles em que as cores sólidas estão misturadas com o branco, a saber:
  • Preto e Branco ( as cores são separadas)
  • Azul Ruão (o branco e o preto se misturam assemelhando-se a cor de cabelos grisalhos)
  • Fígado e Branco,
  • Fígado Ruão,
  • Laranja e Branco (a cor laranja parecida com dourado)
  • Laranja Ruão
  • Preto e Branco e Canela (Canela é marcação e não terceira cor)
  • Azul Ruão e Canela
  • Fígado e Branco e Canela
  • Fígado Ruão e Canela

    Alertamos que exemplares de cores sólidas não deverão cruzar com exemplares de cores partcolor, pois poderá descaracterizar as cores e marcações permitidas pelo padrão FCI.

    A DEMANDA POR FILHOTES

    Muitos criadores de Cocker estão preocupados pois vêem os riscos das qualidades soberbas de uma raça popular estarem sendo reduzidas nas mãos de falsos criadores que estão dispostos a acasalar sem cuidado e o devido conhecimento de faltas que inevitavelmente rastejam em algumas linhas de procriação. Isto pode acontecer quando há uma súbita demanda para filhote de determinada raça.

    Manter uma relação boa com o criador depois da compra será benéfico pois o "dono de primeira viagem" terá o apoio de pessoas que convivem com a raça a muitos anos.

    MANEJO E CUIDADOS COM O COCKER

    Você deverá seguir regras básicas de higiene, saúde e segurança que facilitarão sua vida e a do cão.

    AS REFEIÇÕES

    Quando for trocar de ração faça-o gradativamente. Procure estabelecer horários certos para as refeições do seu filhote, até oito meses ele deverá comer 3 vezes ao dia, após os oito meses sugerimos duas refeições ao dia. A primeira refeição pela manhã, a segunda por volta de uma hora da tarde e a terceira antes de dormir.

    Para Cocker Spaniel sugerimos 300gr. (filhotes) e 200gr. (adultos) de alimento seco por dia. Essas quantidades são divididas entre as refeições.

    SAÚDE E HIGIENE

    O Cocker precisa ser penteado pelo menos duas vezes por semana.

    O seu filhote poderá tomar banho uma semana após as doses de vacinas, escolha o período mais quente do dia e evite correntezas de vento, seque-o com secador morno começando pelo peito, as orelhas ficam por último.

    Para os cães adultos a rotina de banhos depende do ambiente onde o cão vive o importante é NUNCA deixar entrar água nos ouvidos. Pois as orelhas pesadas e pendentes impedem a circulação de ar, portanto os ouvidos não secam sozinhos e a conseqüência disso é a Otite, doença que incomoda o cão e o dono. A prevenção é a melhor solução.

    OS PASSEIOS

    Aos cinco meses, depois da vacinação completa, seu filhote estará apto ao primeiro passeio na rua, SEMPRE COM GUIA.

    Nos primeiros passeios você poderá achar seu filhote parecido com um "potro indomado", mas com a freqüência ele se acostumará em poucos dias.

    Não deixe que ele o leve para passear, mantenha sempre a posição de comando, o cão deverá andar à sua esquerda.

    Não aconselhamos passeios sem guia pois Cockers são cães de caça independentes portanto, cães destemidos, se ele farejar uma trilha que o interessa não pensará duas vezes para segui-la.



  • Os cães fotografados nesta página são de propriedade
    da criadora: Virginia Mergl

    Esta página é de responsabilidade de VIRGINIA MERGL - Criadora.
    CANIL STONE OF DESTINY.
    stoneofdestiny@uol.com.br
    Todos os direitos sobre a matéria e as fotos são reservados.