Busca | Cadastre-se | Como Anunciar 
   
 CLASSIFICADOS
  
 Neg. & Oport.
   Empresas
   Equipamentos
   Serviços
   Outros
  
 Vagas
   Banho&Tosa
   Veterinária
   Comerc/Vendas
   Adm
   Canil/Pass/Hot
   Motorista
   Outros
  
 Candidatos
   Banho&Tosa
   Veterinária
   Comerc/Vendas
   Adm
   Canil/Pass/Hot
   Motorista
   Outros
  
 Cursos
  
 Vendo
  
 Doa-se
  
  
 GUIA EMPRESAS
 Adestradores
 Aquários
 Associações
 Atacadistas
 Aviculturas
 Banho e Tosa
 Canis
 Clínicas
 Consultorias
 Criadores
   Aves
   Roedores
   Reptil/Anfíbio
   Primatas
 Distribuidores
 DogSitter
 Entidades
 Fabricantes
 Gatis
 Hotéis
 Informática
 Laboratórios
 Padarias
 Passeadores
 PetShops
 Rações
 Representantes
 Serviços
 TaxiDog
  
 Lançamentos
 Reportagens
 Consultoria
 Dicas
 Veterinários
 Eventos
 Legislação
  
 Agility
 Raças
 Meu amigo Pet
 Pássaros
  
 PROMOÇÕES
 Busca
 Cadastre-se
 Como Anunciar
 Contato
  

   

COPROFAGIA O QUE É ISSO?

Algumas pessoas se espantam quando descobrem que seus animais comem as próprias fezes ou a de outros animais. Fezes, Para OS cães, representam apenas alimento processado e se elas tiverem odor interessante e atrativo, irá comê-Las.

Não são todos OS cães que comem fezes, a maioria deles nunca apresentará esse tipo de comportamento, mas é importante entender o porquê de muitos animais agirem assim.

As fezes de outras espécies podem parecer extremamente apetitosas Para OS cães. Um exemplo disso são OS cães saudáveis que adoram ingerir as fezes de gatos. É fácil entender a causa. Os felinos têm uma necessidade de proteína muito maior do que OS cães. As fezes dos gatos, portanto, exalam odor de proteína que é altamente atrativa Para OS cachorros. Coco de gato pode ser uma “apetitosa” Para alguns cães. E aí a pergunta: Pode fazer mal? Normalmente não, porém OS cães podem adquirir vermes se o gato estiver infestado ou com toxoplasmose.

Da mesma forma, quando o cão não consegue digerir bem aquilo que come ou sua dieta possui teores muito altos de proteína, além do necessário ou de sua capacidade de digestão, as fezes apresentarão odor protéico. E isso será um Grande estímulo Para o cão comê-Las. É necessário distinguir se faltam enzimas digestivas ou se a dieta está exagerada em proteínas. Uma forma de descobrir a causa é mudar a ração do animal Para outra com menores teores protéicos. Claro que essa mudança só poderá ser prescrita pelo veterinário que atende o cão, ou adicionar enzimas que ajudem na digestão.

Em animais mais jovens, a coprofagia pode estar ligada a problemas comportamentais. Como por exemplo, OS cães quando são duramente repreendidos quando fazem suas necessidades for a do lugar Para não apanhar, else comem as fezes Para esconder a prova, podendo assim esconder seu erro e não levar bronca, mas isso pode passar a ser uma constante na vida do animal e isso não quer dizer que você não deva repreendê-lo quando ele fizer coco no lugar errado. Há filhotes que comem fezes simplesmente por imitação, quando convivem com outros cães que têm esse hábito.

Quando a Coprofagia é comportamental, existem produtos que podem ser administrados ao animal que fazem com que as fezes se tornem repugnantes Para ele. Existem aqueles que adicionam pimenta ou outros condimentos às fezes do cão, Para que ele seja desestimulado a não ingeri-Las, sendo de pouca valia no meu ponto de vista. Antes de tentar alguma coisa fale com seu Médico Veterinário e peça orientação, ele terá a resposta mais adequada e eficiente Para esta atitude de comportamento de seu cão.

Heloísa Helena Amaro
Jornalista/ Ass. Imprensa
Linguagem e Comunicação & Consulvet
Fone 19 3236-5745
site www.consulvet.com.br

voltar...